Comunicação

Collapse
No announcement yet.

Protecção dos olhos do seu bebé

Collapse
X
Collapse
  •  

  • Protecção dos olhos do seu bebé

    Os olhos são uma das partes do corpo do recém nascido mais frágeis e, ao mesmo tempo, das mais preciosas. É imprescindível cuidar deles desde o nascimento.

    O desenvolvimento dos olhos

    Os bebés nascem com os olhos relativamente bem desenvolvidos e perfeitamente capazes de ver com clareza a curtas distâncias. Mas os olhos de um recém nascido são também muito frágeis na medida em que podem ser mais um ponto de desenvolvimento de infecções, razão pela qual devem ser bem protegidos.

    A visão de um recém nascido é ainda bastante limitada, mas desenvolve-se rapidamente. O primeiro passo é o aparecimento da coordenação entre os dois olhos, que resulta no visionamento de apenas uma imagem.

    Os bebés são curiosos por natureza e o desenvolvimento da sua visão estará ao alcance dos pais que a deverão procurar estimular para que o mesmo desenvolva a sua percepção da realidade.

    Visão de um recém nascido

    A visão de um recém nascido é bastante boa a curtas distâncias logo após o parto e o contacto visual com os pais desde o início é muito importante. Por isso, é recomendado às mães que olhem directamente para os olhos dos filhos para que estes conheçam bem o seu rosto desde o nascimento.

    Os recém nascidos conseguem ver a distâncias maiores do que apenas os 20 a 35 centímetros, o que não conseguem é focar os objectos e vê-los com clareza. Por este motivo, os pais devem aproximar-se bastante do bebé para que ele os veja facilmente.

    Por vezes, pode parecer que os bebés entortam os olhos, mas esse é um sinal de que se estão a esforçar para ver melhor os objectos à distância, não significando que haja alguma coisa de errado com eles, mas apenas que os seus músculos dos olhos se estão a esforçar mais, para ver com maior clareza.

    Os recém nascidos conseguem ver melhor as cores contrastantes do que as mais parecidas. O que significa que os brinquedos que combinem mais cores diferentes poderão prender a atenção dos bebés durante mais tempo.

    Para que os bebés benificiem de uma mudança de cenário constante, é aconselhável não os deixar sempre no mesmo local. Deste modo poderão conhecer ambientes diferentes e aprender mais rapidamente a reconhecê-los.

    Protecção e prevenção

    As doenças dos olhos, mais comuns nos recém nascidos, são as conjuntivites, nomeadamente a conjuntivite gonocósica (oftalmia neonatal). Estas podem ocasionar danos sérios na capacidade visual das crianças daí que a prevenção e o tratamento à nascença, quando surgem os primeiros sintomas, é essencial.

    As principais causas das doenças oftalmológicas nos recém nascidos prendem-se com a passagem, da mãe para o bebé, de determinadas infecções, quer durante a gestação, quer na altura do parto, quando o bebé entra em contacto com o canal do parto ou com os fluídos orgânicos da mãe, onde poderão eventualmente existir diversos microrganismos patogénicos.

    A limpeza dos olhos, imediatamente depois do parto, com muito cuidado para não os lesar e a aplicação de medicamentos como tetraciclina ajudam a evitar a infecção. No entanto, é o médico quem deve decidir sobre a aplicação destes medicamentos, quando a situação for de risco de contágio.

    A aplicação destes medicamentos atempadamente pode ser importante para evitar lesões oculares permanentes e graves. Assim, nas primeiras horas de vida uma análise dos olhos do bebé é importante e essencial.
      Os comentários estão desactivados.

    Artigos Recentes

    Collapse

    Working...
    X