Comunicação

Collapse
No announcement yet.

Dosear o leite em pó

Collapse
X
Collapse
  •  

  • Dosear o leite em pó

    Quando o bebé é alimentado artificialmente, uma das maiores dificuldades consiste em determinar a quantidade correcta de leite em pó necessária a cada biberão. A resposta a esta dúvida não é unânime, na medida em que estão em jogo diferentes factores.

    O peso do bebé

    A quantidade de leite em pó a administrar ao bebé depende, por exemplo, do peso que ele regista na balança.

    Logicamente que um bebé com 4,200 quilos tem necessidade de consumir mais leite do que um bebé que pesa apenas 3,100 quilos.

    Seja como for, é conveniente ser o próprio pediatra do bebé a aconselhar e a orientar a mãe acerca das quantidades de leite em pó, as quais tendem a aumentar progressivamente, à medida que o bebé vai crescendo.

    A idade do bebé

    A quantidade de leite também vai depender da idade do bebé. As necessidades e os apetites de cada bebé registam mudanças de dia para dia ou de mês para mês. Dependem também de cada criança, uma vez que umas se alimentam bem desde o início e outras não.

    À medida que a criança vai crescendo tem tendência para querer mais leite do que a quantidade inicial que lhe era dada quando tinha, por exemplo, um mês de idade. Aos seis meses, o bebé terminará o biberão mais depressa e olhará em volta como que à procura de uma segunda dose.

    Deverá, pois, esforçar-se no sentido de aprender a compreender os sinaisfornecidos pelo seu filho, que, implicitamente, lhe dá a entender que ainda não está satisfeito e que precisa de ingerir mais alimento. Tenha porém cuidado para não exagerar, aumentando, por conta própria, as quantidades para além do razoável. Se tiver dúvidas converse a esse respeito com o pediatra.

    Os alimentos sólidos

    A quantidade de leite em pó também vai depender da possibilidade do bebé estar a ser alimentado apenas à base do biberão ou se, pelo contrário, existe uma combinação com o leite materno ou com alimentos sólidos. Assim que é iniciada a introdução gradual de cada alimento sólido -apenas aconselhável a partir dos seis meses de idade -, a mãe, se o puder fazer, deve ter o cuidado de não retirar bruscamente o leite materno ou o artificial do menu nutritivo do bebé. Pelo menos até aos oito meses de idade.

    Isto porque, antes desta idade, a maioria dos bebés não consome uma variedade assim tão alargada de alimentos que lhe permita satisfazer em pleno as suas necessidades energéticas.
      Os comentários estão desactivados.

    Artigos Recentes

    Collapse

    Working...
    X