Os testes de gravidez realizados em casa permitem à mulher uma maior comodidade. Podem ser adquiridos em qualquer farmácia e a sua margem de erro é mínima.

Função dos testes

Os testes de gravidez visam detectar a presença da hormona gonadotrofina coriónica (HGC) na urina. Esta hormona da gravidez é produzida na placenta, pouco depois da fixação do embrião na parede do útero (nidação).

A HGC pode ser detectada 8 a 11 dias após a ovulação, atingindo os seus níveis mais elevados entre o segundo e terceiro mês de gravidez.

Modo de utilização

Não é preciso tirar um curso para realizar um teste de gravidez em casa. Rápido e de fácil execução, este tipo de testes baseia-se em passos muito simples e específicos:
  • Ler com atenção as instruções contidas no interior ou exterior da embalagem.
  • Seguir à letra as instruções.
  • Aguardar cerca de cinco minutos (este tempo pode variar consoante a marca do produto).
  • Comparar os resultados, normalmente expressos em termos de distinção de cores. Só para dar um exemplo: o azul corresponde a um resultado positivo (confirmação da gravidez), enquanto o vermelho traduz um resultado negativo (não confirmação da gravidez).


Grau de exactidão

É aconselhável que o teste seja efectuado logo de manhã, ao levantar, pois a urina encontra-se, nessa altura, no seu estado mais concentrado, o que facilita a medição da quantidade de HGC no organismo.

Desde que as instruções sejam seguidas correctamente, os resultados dos testes de gravidez realizados em casa revelam uma exactidão na ordem dos 97 por cento.

Geralmente, as conclusões erróneas destes testes prendem-se com o facto da mulher antecipar a data da sua realização. Com efeito, o teste de gravidez deve ser feito apenas na altura em que a menstruação já deveria ter surgido, ou seja, cerca de duas semanas após a ovulação. Nalguns casos, a ansiedade leva a que a mulher se precipite e realize o teste antes do tempo.

Por outro lado, é preciso ter em conta que, por vezes, a ovulação pode ocorrer mais tarde do que o previsto, sobretudo se o ciclo menstrual é irregular.

Existe ainda a possibilidade de complicações na gravidez que afectam a quantidade de HGC existente no organismo. Ou seja, embora a mulher esteja grávida, o teste dá um resultado negativo, devido à fraca quantidade de HGC na urina resultante das ditas complicações.