Comunicação

Collapse
No announcement yet.

Os desejos e dificuldades alimentares durante a gravidez

Collapse
X
Collapse

  • Os desejos e dificuldades alimentares durante a gravidez

    Click image for larger version

Name:	New Project.jpg
Views:	38
Size:	82.5 KB
ID:	3557459

    Durante o período de gravidez a futura mãe necessita ter uma especial atenção com a sua alimentação, pois toda a alimentação do bebé é fornecida através dela. Porém, por vezes, a futura mãe tem vontades estranhas, os famosos desejos das grávidas ou então dificuldades em comer.


    Os desejos alimentares

    A saúde e o crescimento do bebé estão intimamente ligados à alimentação da mãe e é frequente que durante a gravidez muitas mulheres sofram alterações nos seus hábitos alimentares. A grande maioria das grávidas, entre 75 a 85%, têm uma especial apetência por, pelo menos, um qualquer alimento, isto é, têm os conhecidos desejos.

    Estes desejos podem ser por alimentos doces, salgados, picantes, ou ainda por combinações, estranhas ou não, de vários alimentos. Por outro lado, cerca de 50 a 85 % das mulheres grávidas adquirem, no mínimo, uma aversão alimentar.

    É possível que estas modificações nos hábitos alimentares das grávidas tenham a ver com alterações hormonais que se verificam durante o tempo de gestação. Na verdade, as radicais modificações hormonais a que a mulher está sujeita nesta fase da sua vida poderão ter alguma repercussão sobre as questões alimentares e ainda sobre os cheiros, no entanto, não está provado o que causa, realmente, os tão famosos desejos, cuja existência ou não varia bastante de mulher para mulher.

    Antigamente, entendia-se que os desejos eram uma forma do organismo da grávida chamar a atenção para a falta que tinha de determinados nutrientes, e ainda há quem seja desta opinião e considere, por exemplo, que ter uma grande vontade de comer chocolate significa falta de vitamina B. No entanto não existem quaisquer provas científicas que sustentem esta posição.

    alimentos

    Dificuldades na alimentação

    Uma boa e correcta alimentação é sempre essencial, mas requer uma atenção acrescida durante o tempo de gestação. Acontece porém que muitas grávidas têm dificuldades em ingerir os alimentos, pois sofrem de vómitos, enjoos e azia.

    Os vómitos e os enjoos são bastante comuns nas grávidas. Para lhes tentar fazer face é aconselhável aumentar o número de refeições diárias para 5 ou 6, e diminuir a quantidade ingerida em cada uma. Deve preferir alimentos com fibras tais como vegetais e frutas, e beber muitos líquidos. Há muitos médicos que recomendam a vitamina B, que ajuda bastante nestas situações, se bem que não se saiba exactamente como é que ela actua.

    A azia é, também, uma caracteristica comum à gravidez de muitas mulheres, em especial nas fases mais adiantadas, isto porque à medida que o bebé vai crescendo, o útero aumenta e, em consequência, aperta o espaço destinado ao estômago. Também aqui se podem obter bons resultados se se aumentar o número de refeições diárias, diminuir a quantidade de alimentos ingerida e evitar sentar-se ou deitar-se após as refeições. A grávida poderá utilizar anti-ácidos para combater a azia.
      Os comentários estão desactivados.

    Artigos Recentes

    Collapse

    • A roupa pré-mamã
      por pbadmin
      A roupa pré-mamã é desenhada para mulheres grávidas, razão pela qual, mesmo que escolha dois ou três números acima do seu tamanho normal a roupa habitual não lhe assentará bem, uma vez que não foi desenhada tendo em conta as alterações por que o corpo...
      06-03-2019, 13:26
    • A cesariana
      por pbadmin


      Hoje em dia é cada vez maior o número de bebés que nascem por cesariana. O bebé sai pelo abdómen, através de uma incisão na parede abdominal (laparotomia) e na parede do útero (histerotomia).


      Quando é que é necessário...
      06-03-2019, 13:20
    • Contradições da gravidez: euforia e desespero
      por pbadmin
      A gravidez representa uma fase de grandes alterações quer físicas quer emocionais, na vida de todas as mulheres que passam por esta experiência. Esta fase que dura, em média, 38 a 40 semanas implica viver intensamente sentimentos contraditórios de alegria...
      06-03-2019, 13:11
    • Pais pela primeira vez: a gravidez
      por pbadmin


      Ao engravidar pela primeira vez a futura mãe vive com grande intensidade as alterações que, a partir desse momento, toda a sua vida sofrerá. Terá curiosidade sobre o desenvolvimento da gravidez, sofrerá com os enjoos matinais, terá muitas...
      06-03-2019, 13:03
    • Falso trabalho de parto
      por pbadmin
      O útero da mulher contrai-se durante a gravidez, principalmente nas últimas semanas. Este tipo de contracções podem ser facilmente confundidas com as contracções do parto que, na verdade, ainda não chegaram.

      O que é o falso trabalho de parto?...
      06-03-2019, 12:30
    • Perdas de sangue durante a gravidez
      por pbadmin


      Por mais pequeno que seja, qualquer corrimento de sangue durante a gravidez pode ser assustador, sobretudo se for a primeira gravidez. Para isto podem contribuir inumeros factores mas, em alguns casos, o corrimento sanguíneo não afecta...
      06-03-2019, 12:25
    Working...
    X